Blog

Acompanhe muito mais da Radiograf em nosso blog

Algumas informações contraditórias sobre implante dentário podem gerar questionamentos com respostas incompletas ou inconclusivas por parte dos não profissionais, assim como em qualquer outro tratamento. No entanto, o método pode melhorar bastante a estética facial, como pode também devolver a mastigação às pessoas que perderam um ou mais dentes.

Por isso, é tão importante buscar informações corretas sobre o procedimento. Se você deseja aprender mais sobre implantes dentários, confira!

Um diagnóstico preciso é vital para a boa definição de um tratamento, seja em que área da saúde for. De fato, na odontologia, sabe-se que um dente é muito mais do que aquilo que se vê a olho nu. E, muitas vezes, apenas um exame clínico não é suficiente para coletar todas as informações necessárias sobre a situação do paciente.

Confira abaixo a importância do raio-X!

Uma das maiores preocupações de quem precisa fazer um implante dentário é sobre a possibilidade de rejeição dele. Afinal, nesse caso, todo o tratamento seria perdido e a pessoa teria que refazer a cirurgia.

Para esclarecer esse ponto que gera tanta insegurança, preparamos este post para explicar se o organismo realmente pode rejeitar o implante. Continue a leitura e aprenda um pouco mais sobre esse procedimento que ajuda a fazer a reabilitação oral, contribuindo de maneira funcional e esteticamente.

A maioria das pessoas está preocupada com a beleza dos dentes. Mas para esbanjar um sorriso harmônico nas fotos e na vida real, é necessário seguir hábitos de higiene, ter atitudes preventivas e tratar os eventuais problemas odontológicos.

Para tanto, o primeiro passo, geralmente, consiste em providenciar a documentação ortodôntica solicitada na consulta com o especialista, o que levará a um tratamento de acordo com a necessidade e expectativa do paciente.

Conheça a importância da documentação ortodôntica, do que se trata, como ela é feita e para que serve. Confira!

Depois de corrigir a posição dos dentes, o momento mais esperado é a retirada do aparelho. No entanto, uma nova etapa se inicia: a de utilizar o aparelho ortodôntico de contenção. Ele é essencial para garantir o sucesso do tratamento e cabe ao paciente o comprometimento de usá-lo corretamente.

Como ainda existem dúvidas sobre esse assunto, preparamos este post para explicar sobre esse tipo de aparelho, os objetivos pretendidos com ele e as consequências de não utilizá-lo.

Confira para entender a importância dessa etapa para a funcionalidade e estética dentária!

Mesmo tendo uma boa noite de sono, com a quantidade de horas adequadas para o descanso, há pessoas que acordam com dor de cabeça, no pescoço ou nos ombros. Nem sempre isso está relacionado com o cansaço ou a posição para dormir, mas pode ser indício de bruxismo.

Esse é um transtorno bastante comum que afeta pessoas de qualquer idade. No entanto, ele precisa ser identificado e devidamente tratado, pois traz consequências negativas para a saúde bucal.

Neste artigo explicaremos por que o bruxismo acontece e traremos mais detalhes a respeito desse transtorno. Continue lendo para saber como identificá-lo e controlá-lo.

Os tratamentos odontológicos estéticos conseguem modificar a coloração dos dentes, transformando o visual dos pacientes. Isso corresponde à necessidade de muitas pessoas que sonham com um sorriso perfeito.

Mas qual é a cor dos dentes ideal para cada um? Qual tonalidade indica que um sorriso é realmente saudável e natural? É preciso ter em mente que há variações de coloração de pessoa para pessoa e que um tom mais escuro nem sempre quer dizer falta de cuidados com a higiene ou maus hábitos.

Se você quer entender melhor sobre a cor dos dentes e como a Odontologia pode ajudar a transformar a estética do sorriso, acompanhe nosso post!

Uma característica capaz de afetar a estética e causar incômodo em muitas pessoas é o escurecimento do sorriso. Esse tipo de aparência pode provocar constrangimento social e comprometer a autoestima. Mas afinal de contas, quais são as principais causas de dentes amarelados?

Existem diversos fatores que removem o brilho e alteram a cor da dentição, sendo que a maioria está relacionada aos nossos costumes do cotidiano, como alimentação e higiene bucal ineficiente. Quer compreender melhor por que os dentes ficam amarelos e como prevenir o problema? Então continue lendo este conteúdo.

Se já é ruim sonhar com perda de dente, imagina se acontece de verdade? No entanto, se isso ocorrer, há uma solução para devolver o seu sorriso bonito. Os implantes dentários são indicados para pessoas que perdem o dente e a sua raiz, devolvendo a autoestima e proporcionando saúde bucal. Quem estiver prestes a passar por este procedimento, deve ficar atento e saber da importância de alguns cuidados essenciais, como o acompanhamento regular do dentista durante todo o processo.

Mas existem contraindicações para realizar o método? Se a pessoa apresentar problemas no coração ou diabetes, é necessário que essas doenças estejam controladas. Quanto à idade, recomenda-se ter, pelo menos, 17 ou 18 anos, para mulheres, e 18 a 19 anos, para homens. Isso porque a técnica só deve ser aplicada após o crescimento ósseo. Um cuidado muito importante é não fumar durante todo o processo, pois, além de outros fatores prejudiciais à cavidade bucal, este hábito aumenta a possibilidade de infecção e torna a cicatrização dos tecidos mais lenta.